Constelação e RelacionamentosConstelação Familiar

Significado de conexão nos relacionamentos humanos

significado de conexão

Neste artigo, nós falaremos sobre o significado de conexão. Muitas pessoas enxergam a conexão como um termômetro. Mas será que essa é a forma mais justa de para avaliar seus relacionamentos? Então, leia este artigo até o final para compreender melhor sobre o assunto.

Conexão significado

Antes de tudo, cabe salientar que a conexão diz respeito a diferentes níveis. Logo, trata também das amizades, dos familiares e com os colegas de trabalho. Mesmo porque ao longo da vida, nós como seres humanos, vivemos em diferentes ambientes.

Qual o significado de conexão?

Segundo o Dicionário Caldas Aulete, conexão diz respeito à ação ou resultado de conectar, de estabelecer ligação entre pessoas ou coisas. Assim, percebe-se que a conexão está atrelada ao nível de ligação. Mas para que tal ligação ocorra, é necessário que exista uma ação entre as partes envolvidas.

Nesse sentido, para ilustrar tal aspecto, pense na internet. Para que você consiga acessar uma rede wifi, por exemplo, é preciso que o sinal esteja liberado. Ademais, é necessário que o seu aparelho seja compatível para essa funcionalidade. Portanto, se alguma das partes não está funcionando, a conexão não se estabelece. Por isso, a conexão depende que cada parte do processo faça a sua função.

O que é conexão entre pessoas?

Os gostos em comum e amizades

Assim, a conexão entre as pessoas pode acontecer de forma natural. Isso porque é mais fácil se identificar com as pessoas que se parecem com a gente. Nesse caso, as pessoas com gostos e ideias comuns tem facilidade em se conectar com os seus pares. Torcedores de um mesmo time de futebol, fãs de bandas ou filmes, por exemplo, se identificam de forma mais natural.

O mesmo raciocínio se aplica para os nossos hobbies, como leitura e gastronomia.  Portanto, muitas vezes temos uma conexão mais próxima com essas pessoas em vez dos familiares. Isso porque, nem sempre as pessoas que fazem parte da mesma família têm os mesmos gostos. Por esse motivo, muitas relações com os amigos se tornam mais fortes.

Saiba que esse é um processo natural. Ele acontece desde à infância e permanece até a vida adulta. Nesse sentido, as amizades se tornam mais próximas com os amigos porque podemos enfrentar problemas em casa. Um filho que tem dificuldade em se relacionar com pai, vai sentir se sentir mais próximo com o amigo da escola. E, irmãos podem ter maior conexão com os amigos do que dentro de casa. Não por acaso, há o ditado “há amigos mais chegados que irmãos.”

A conexão na família

Muitas vezes é o laço de sangue que mantém a conexão entre os familiares. Isso porque, o desgaste do dia a dia pode mais afastar do que aproximar. Portanto, no caso de pais separados, os filhos podem perder a conexão se o pai for ausente. Por isso, a conexão na família pode ser vista como algo obrigatório.

Tal fato se mostra mais recorrente nas situações negativas. Por fazer parte da família, muitas pessoas se sentem na obrigação de socorrer aquele parente distante. Ainda, se veem no dever de cuidar daqueles com quem têm pouca conexão emocional.

Em relação aos casamentos desgastados, o problema é diferente. Muitos casais se separam por chegarem à conclusão de que não têm mais nada em comum. Então, por falta de afinidade, decidem seguir com as suas vidas. A falta de conexão, quando não é trabalhada, pode resultar também em traições. Isso porque o cônjuge se sente mais atraído por alguém de fora.

Sobre a conexão no ambiente de trabalho

Nos ambientes de trabalho, a conexão também se faz de forma obrigatória. Uma vez que a carreira depende de uma boa rede de contatos é mais difícil encontrar uma conexão que não tenha esse interesse por trás. Nesse sentido, muitas empresas criam estratégias para trabalhar a relação dos seus empregados. Assim, os happy hours ajudam a desenvolver essas conexões.

Leia também:  Constelação em Empresas Familiares

Entretanto, o ambiente de trabalho também despertam conexões verdadeiras. Então, pessoas com gostos comuns criam proximidade, como já foi dito. Assim, as relações verdadeiras criam laços que independem da empresa. Isso é interessante principalmente quando o ambiente não é agradável.

A conexão nos relacionamentos amorosos

Em relação à vida amorosa, temos uma tendência. Buscamos pessoas como a gente. Ou seja, é mais fácil lidar com o que já conhecemos para não correr riscos. Ainda, sempre esperamos pela “química perfeita”. Na verdade, esse é um modo de autopreservação, que muitas vezes é involuntário. Claro que tem pessoas com parceiros diferentes da sua personalidade, afinal os opostos se atraem. Mas, na maioria das vezes, buscamos continuar na nossa zona de conforto.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

Entretanto, o problema da conexão nos relacionamentos se dá quando apenas um faz a sua parte. Então, a conexão não acontece, porque os dois não estão no mesmo propósito. Por isso, muitas pessoas são frustradas, por se entregar demais e não ser correspondidas. Por isso, é preciso deixar claro o que se espera do seu parceiro(a) e o quanto está disposto a se entregar também.

Cuidado com as zonas de conforto

Compreenda que, quando nos limitamos as relações com os nossos iguais, ficamos na zona de conforto. O problema é que não abrimos oportunidade para ideias diferentes. Assim, ficamos sempre fechados nas nossas próprias convicções. Como resultado, não há diálogo para reflexão sobre as nossas “verdades inquestionáveis”.

Ademais, não damos chance ao novo e à diversidade. Afinal, cada pessoa tem a sua história e a sua vivência. Desse modo, corremos o risco de fortalecer nossos preconceitos. Por isso, é preciso sair das nossas zonas de conforto e conhecer pessoas novas. Assim, aprendemos mais com o diferente com o que é já conhecido. Isso porque, mesmo com as decepções, sempre há um aprendizado.

Considerações finais sobre o significado de conexão

Nesse artigo, nós falamos sobre conexão. Essa é uma palavra fundamental para compreender os nossos relacionamentos. Nesse sentido, mais do depositar todas as esperanças no outro, é preciso refletir o quanto estamos dispostos a nos entregar também. Então, reforçamos a condição de mão dupla da ação de conexão.

Por fim, acreditamos na importância da diversidade. Portanto, é preciso sair do nosso mundo e conhecer o que está ao nosso redor. Em especial, às pessoas e ideias diferentes das nossas. Afinal, as pessoas são singulares e sempre nos tem algo a ensinar. Já parou para refletir nesse aspecto?

Assim sendo, para saber mais sobre o significado de conexão, faça nosso curso de Constelação Familiar. Dessa maneira, você aprenderá a lidar melhor com todos à sua volta. Ainda, conhecerá mais sobre si mesmo e suas percepções. Saiba que as aulas são online e você pode fazer na praticidade da sua casa. Por isso, não perca tempo e se inscreva agora mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 2 =