Constelação e vida diáriaConstelação Familiar

Como sair da zona de conforto? 10 dicas essenciais

A zona de conforto, embora não seja física, é uma das áreas mais perigosas para se habitar. isso porque após entrar nela a vontade, desejo e crescimento acabam por sumirem de nossas vidas. Por isso, vamos te dar 10 dicas acessíveis de como sair da zona de conforto e viver em segurança.

Experimente fazer algo que nunca fez antes

Ainda que tenha medo do que vai encontrar, você precisa se propor uma atividade que nunca realizou. Seja por vergonha, medo de errar ou do que vão pensar, você só tem uma chance chamada “vida”. Nisso, por que não experimentar algo novo, mais ainda que você tem vontade?

Sair da zona de conforto envolve disposição para entender que existe mais do que se vê. Quem sabe quais as oportunidades está deixando ir por medo de tentar? Com coragem e confiança do que tem, se proponha a tentar uma reinvenção.

Encare os seus medos

O medo de falhar em alguma coisa costuma ser bem maior em algumas pessoas que a força para tentar. Acontece que, por vezes, esse medo pode se tornar algo paralisante e que gera frustração. Para sair da zona de conforto você precisa ter coragem o suficiente para encarar seus temores.

A fim de evitar isso, olhe para o comodismo excessivo e observe o que te leva a isso. Nessa reflexão, estará a resposta do porquê deve sentir tanto medo de algo. Ao encará-lo, tente fazer com que não reaja de forma tão negativa na presença dele.

Pense na ideia de fazer novos exercícios

Outra forma de sair da zona de conforto é através das atividades físicas em sua rotina ou fora dela. Mas não é só de academia que precisa investir, já que não é a única forma de se exercitar. Independente do caminho escolhido, poderá alcançar:

Melhora na qualidade de vida

Os exercícios em si melhoram bastante o seu condicionamento físico. Contudo, a parte psicológica também se beneficia desse cuidado com a própria saúde. Você vai se sentir mais disposto e com a certeza de que pode fazer muitas coisas. Ou seja, só traz benefícios.

Autoestima

A cada nova atividade explorada, você se sentirá parte importante de algo para si mesmo. Nesse caminho a sua autoestima será alimentada constantemente, principalmente com os resultados atingidos. Entenderá como valorizar a si mesmo de forma objetiva e confortável.

Saber do seu potencial físico

Muitos se surpreendem após iniciarem atividades físicas com a liberdade corporal atingida. Por exemplo, quase todos se sentem mais confortáveis porque agora conseguem se flexibilizar com mais facilidade. Encontrar uma atividade física prazerosa e que te ajude a evoluir deve ser prioridade.

Pense na sua vida romântica

Refletir sobre a sua vida amorosa é um passo importante na hora de sair da zona de conforto. Observar o status do seu relacionamento com outra pessoa pode indicar peças importantes ao seu crescimento. Se a relação, seja ela namoro, noivado, ou casamento, não satisfaz os envolvidos, precisam de uma reavaliação o quanto antes.

Os solteiros também não ficam de fora e ficam convidados a deixarem de prestar atenção na parte amorosa da vida dos outros para se concentrarem nas próprias. Neste caso, é necessário compreender de que modo esse status colabora ou atrapalha sua liberdade plena. Ser solteiro não é somente fácil como muitos pensam.

Compartilhe o que está pensando

Um erro bastante comum de quem não se propõe a sair da zona de conforto é apenas aceitar. As pessoas acabam concordando em tudo o que os outros dizem como forma de evitar confrontos. A fim de evitar esse cenário, comece a:

  • Defender as suas ideias

Jamais deixe um momento passar em branco sem que exponha seus pensamentos. Trata-se de parte da sua identidade e com toda a certeza o que você pensa é válido pelo menos a nível de debate.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

    • Evitar dizer “Sim” para tudo

    Evite ser concessivo em toda e qualquer situação, ou seja, pare de dizer “sim” para tudo. Essa decisão reflete em você uma imagem excessivamente passiva, que por sua vez pode comprometer a sua autoridade. Mesmo que tenha medo de qualquer reação, seja firme e aprenda a dizer “não”.

    Tente ficar longe da internet por algum tempo

    Por mais que seja difícil, para sair da zona de conforto talvez seja necessário desapegar da internet por alguns dias. Você entra por alguns minutos, vê algo que lhe interessa e lá se foram 30 minutos ou 1 hora da sua vida. Contudo, nesse meio tempo, você deve ter apenas olhado seu feed de notícias de forma passiva, sem urgência.

    Se for tão difícil, tente estabelecer uma meta para si mesmo com direito a recompensa. Caso consiga ficar 1 dia longe da internet, faça um agrado a si mesmo; se conseguir dois dias, dê um passeio de presente. Dessa maneira, terá mais tempo para pensar a sós e refletir sobre sua vida.

    Procure conhecer pessoas novas

    Mesmo sendo algo delicado a ser feito, incluir pessoas novas em sua vida pode trazer benefícios. Nisso se inclui aumento de perspectivas, trocas de experiências, consulta e aconselhamento, entre outras coisas. Todavia, jamais substitua novos amigos pelos os que já estavam ao seu lado.

    Observe a sua autoestima

    À primeira vista esse conselho parece algo superficial, mas a ideia aqui é pensar em cuidados com você mesmo. Há pessoas que gastam tanto tempo pensando no que os outros precisam que acabam esquecendo delas mesmas. Por isso, se for o seu caso, sugerimos um pouco de egoísmo para dar sabor à sua vida.

    Passe a pensar mais em como anda o seu estado de saúde físico, mental e emocional. Tire um dia para se avaliar e agradar a si mesmo, fazendo o que gosta. Vá ao salão, mude a barba, compre algo novo, invista em alguma atividade agregadora e não se culpe por isso.

    Mude o seu cotidiano

    Já pensou que para sentir a segurança de sempre investe nos mesmos padrões de comportamento? Por exemplo, temos a certeza de que sempre anda pelo mesmo caminho independente do motivo. Mesmo que pareça seguro, isso acaba tirando outras peças importantes que você precisa.

    Sabia que escolher novos caminhos para andar ajuda na criação de conexões em seu cérebro? Mudar uma parte do seu cotidiano contribui para reciclar suas ideias e perspectivas sobre si e a vida. Procure fazer diferente se quer sair da zona de conforto.

    Experimente fazer um passeio a um local que não visitou

    Tome coragem para fazer um passeio ou viagem a um lugar que nunca foi, mas sempre quis ir. Sempre será o momento certo para fazer escolhas que contribuam em sua vida. Assim, tire da mala aqueles sonhos antigos que nunca teve coragem de realizar.

    Considerações finais sobre sair da zona de conforto

    Sair da zona de conforto é um exercício complicado para muitos porque é a única forma de viver que muita gente conhece. O fato de indivíduos viverem uma vida excessivamente controlada e sem surpresa se torna um habitat natural de comodismo e regressão. Sem que percebam, as pessoas ficam impedidas de terem um futuro promissor e agradável.

    Arrisque-se mais, de maneira a se reinventar quando for possível sem medo de errar. Com toda certeza, seu eu do amanhã agradecerá a você pela iniciativa.

    Conheça nosso curso de Constelação Familiar

    Para entender melhor como fazer isso, se inscreva em nosso curso de Constelação Familiar 100% online. A proposta do curso é te livrar de qualquer barreira que impeça o seu desenvolvimento. Assim, com a ajuda da Constelação, sair da zona de conforto será um processo enriquecedor e de transformação absoluta.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    três × cinco =