Constelação e Relacionamentos

Pessoas controladoras: como reconhecer, como lidar

Conviver com pessoas controladoras nunca será uma tarefa fácil. Por isso, continue a leitura para você entender como lidar com elas.

Conviver com pessoas controladoras nunca será uma tarefa fácil. Por isso, nós devemos aprender a reconhecê-las logo. Dessa forma, saberemos como lidar com elas. Nesse sentido, continue esta leitura para você entender melhor este tipo de comportamento humano.

O que são pessoas controladoras?

Pessoas controladoras são aquelas que sempre impõem o seu desejo sobre os outros. Assim, elas querem que a sua vontade seja cumprida a todo custo. Contudo, elas dificultam os seus relacionamentos e interações sociais agindo dessa maneira. Tanto que os controladores são pessoas muito difíceis de se relacionar no cotidiano.

Ademais, quando falamos em comportamento humano, é importante destacarmos a definição de controle. Segundo linguistas, controlar significa interromper o livre-arbítrio das pessoas. Além dos outros, a pessoa controladora também regula a própria vida com rigidez.

A ilusão do controle

Pessoas controladoras demonstram níveis de ansiedade e perfeccionismo muito exagerados. Dessa forma, elas sentem uma grande preocupação com o mundo ao seu redor. Isso porque elas precisam se antecipar aos acontecimentos para evitar qualquer problema.

Segundo especialistas comportamentais, a pessoa controladora vive uma ilusão. Afinal, nós nunca poderemos prever o que acontecerá ou controlaremos tudo na vida. Tanto que, nem a pessoa mais influente do mundo tem controle de tudo.

Portanto, o nosso controle fica limitado as coisas simples e pequenas da vida. Por exemplo, você pode decidir o que comer ou vestir agora. Contudo, você não decide quando alguém se apaixona por você. Logo, muitas pessoas devem entender que o controle absoluto é ilusão.

Características das pessoas controladoras

É muito importante que nós saibamos reconhecer as pessoas controladoras. Além disso, também é importante que nós percebamos esse comportamento em nós mesmos. Afinal, você não quer sofrer por causa de atitudes tóxicas, certo? Então, confira a seguir seis características mais comuns de comportamento da pessoa controladora.

1. Têm baixa autoestima

Algumas pessoas precisam da sensação de controle para se sentirem importantes. Tudo porque elas se sentem desvalorizadas quando não controlam algo ou alguém. Ou seja, elas relacionam a autoestima delas à sensação de controle.

2. Jamais respeitam a privacidade alheia

A pessoa controladora não tem respeito pela privacidade alheia, pois não sabe confiar. Logo, ela distancia o parceiro da sua vida porque não se entrega ao relacionamento.

3. São donas da verdade

Uma pessoa controladora acredita que ela é muito importante. Tanto que ela não compreende a razão das pessoas discutirem os seus argumentos. Entretanto, qualquer pessoa nunca estará tão certa quanto pensa.

4. Não sabem lidar com imprevistos

A princípio, a pessoa controladora gosta de ter uma rotina constante e controlada. Pois, ela não consegue lidar com imprevistos no cotidiano. Ou seja, ela tem medo de perder o controle da própria rotina.

5. Não têm limites

Pessoas controladoras sempre interferem nas emoções e atitudes dos outros. Então, elas exageram e passam dos limites que a pessoa ou relacionamento impôs.

6. Vivem sobrecarregadas

O controlador vive sobrecarregado porque acumula suas emoções e responsabilidades, vivendo sempre cansado.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

    Pessoas controladoras: consequências da falta de controle

    Pessoas controladoras sofrem por causa da sensação de descontrole. Tanto que elas exageram quanto à gravidade de problemas que são pequenos. Portanto, é possível afirmar que pessoas controladoras são injustas consigo mesmas. Afinal, elas não são responsáveis por tudo o que acontece.

    Mesmo que existam variáveis na situação, o controlador põe a culpa em si mesmo. Por isso, uma pessoa controladora cobra bastante de si e não é espontânea. Além disso, ela evita situações onde não tem controle, como andar de avião ou montanha-russa.

    Ademais, o controlador sempre é uma pessoa crítica em seus relacionamentos. Dessa forma, suas atitudes interferem no ambiente de trabalho, amizades e relações amorosas. Embora ela deseje bons relacionamentos, é crítica demais e sempre cria conflitos.

    Escudo

    É possível afirmar que pessoas controladoras usam um escudo para se protegerem. Afinal, elas são vulneráveis aos próprios medos e inseguranças pessoais. Logo, elas pensam que somente elas fazem bem uma tarefa.

    Por exemplo, organizadores ou chefes que têm uma postura muito rígida. Talvez eles tenham medo de que algo em suas vidas não dê certo. Portanto, eles assumem uma postura controladora para evitar esses erros e disfarçar inseguranças.

    Teste de pessoas controladoras

    O teste de pessoas controladoras serve para identificarmos comportamentos tóxicos. Ainda que não seja uma lista médica, o teste ajudará você a repensar suas atitudes e comportamentos. Por isso, demonstre honestidade para responder “sim” ou “não” para essas perguntas se você:

    1. sempre quer saber onde um parceiro está, com quem está e o que fazem?
    2. tem manias de controle e nunca muda a sua rotina?
    3. costuma vigiar o celular de alguém e perguntar sobre os contatos dele?
    4. fica aborrecido ou enciumado quando o parceiro está conversando com outra pessoa?
    5. critica as pessoas com frequência e se sente melhor após rebaixá-las?
    6. consegue aceitar sugestões ou críticas diferentes das suas sem ficar ofendido?
    7. é organizado demais ao ponto de controlar e detalhar tudo o que faz?
    8. gosta de ficar atento a tudo, pois assim consegue saber das pessoas? Não para saber se estão bem, mas para descobrir o que elas fazem?
    9. controla as amizades do seu cônjuge, criando problemas por causa delas? Por exemplo, afirmar que o cônjuge sempre prefere os amigos a você.
    10. é obsessivo com organização a ponto de ficar agressivo quando algo dá errado?

    Se você respondeu “sim” para sete perguntas ou mais é sinal de controle excessivo. Logo, é importante que você procure ajuda terapêutica para avaliar esses comportamentos. Dessa forma, você evitará problemas maiores nos seus relacionamentos.

    Como lidar com pessoas controladoras?

    Pessoas controladoras precisam desenvolver autoconhecimento para diminuir a necessidade de controle. Dessa forma, elas saberão reconhecer os sintomas e assumir que têm atitudes tóxicas. Após esse reconhecimento, elas diminuirão o sofrimento que causam a si e aos outros.

    A pessoa controladora precisa entender que erros são naturais e todos nós cometemos. Em seguida, ela deve iniciar o trabalho terapêutico para mudar o comportamento controlador. Se necessário, essa pessoa receberá medicamentos para relaxar e evitar pensamentos tóxicos.

    Contudo, para evitar desgastes, nós precisamos impor limites quanto as atitudes do controlador. Talvez seja necessário mostrar para ele o desconforto que suas ações causam. Ademais, cada pessoa tem direito a um espaço próprio para exercer sua individualidade. Talvez nós devamos manter distância do controlador e recomendar ajuda médica.

    Considerações finais sobre pessoas controladoras

    Pessoas controladoras sempre querem controlar quem está próximo a elas. Além disso, elas sentem a necessidade de querer o controle do mundo. Já que não conseguem, elas acabam frustradas e irritadas. Assim, os controladores devem reconhecer os prejuízos que suas atitudes estão causando.

    Para ter uma qualidade de vida melhor essas pessoas precisam reconhecer o problema. Logo, elas devem entender que nem tudo sairá como o planejado. Portanto, elas devem procurar terapia para superar esse impulso. Assim, elas reconhecerão suas responsabilidades e seus limites pessoais.

    Após entender o comportamento das pessoas controladoras, se inscreva em nosso curso online de Constelação Familiar. Dessa forma, você aprenderá a lidar com pessoas controladoras enquanto desenvolve o seu autoconhecimento. Por isso, garanta essa oportunidade para desbloquear o seu potencial e transformar a sua vida.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    17 − 7 =