Constelação e ProfissõesConstelação FamiliarDepoimento

O que faz um Assistente Administrativo?

Cada vez mais pessoas descobrem os benefícios da Constelação Familiar e Sistêmica não só para indivíduos e famílias, mas também no ambiente empresarial. Hoje, quero dar meu testemunho como assistente administrativo que decidiu estudar Constelação Familiar. Eu já sinto as recompensas deste aprendizado e vislumbro um grande cenário para meu crescimento profissional.

A Constelação nos momentos de mudanças

O que me trouxe até o curso de Constelações Familiares foi o grande desejo de uma cura. Para a minha saúde própria, da família, dos meus pais, do meu companheiro e a família dele. Estamos nos preparando para uma nova fase em nossas vidas. Ou seja, um ritual pelo qual nunca passamos antes, e um ritual que nossos pais também nunca nos viram passar.

Espero que estejamos saudáveis para viver o que vem pela frente. Que estejamos em harmonia com nossos antecessores e também para com os nossos descendentes. A ideia de compreender e poder colocar em prática, diariamente, os conceitos sugeridos por este estudo, fica latejando em meu pensamento. Então, é como se estivessem chamando a minha atenção para este caminho: “Uma vontade bigorna e um desejo martelo…”

Os desafios presentes na vida do assistente administrativo

A Constelação me ajuda, principalmente, na compreensão hierárquica do sistema que compõe o local onde trabalho como assistente administrativo. Particularmente, nunca foi muito fácil para mim lidar com hierarquia (uma das ordens do amor), aceitação absoluta e inquestionável de:

  • quem veio antes
  • quem sabe mais
  • quem “pode” mais

Entretanto, sou muito grata à esta oportunidade que estou vivenciando. Não posso negar que reconheço alguma distância e também alguma proximidade entre mim e meus colegas. Todos são mais velhos. Isto é, tecnicamente mais instruídos, com mais confiança para maiores responsabilidades.

Lidando com o ambiente hostil de um determinado ambiente de trabalho

Me sinto forçada a exercitar sempre a humildade. Sempre. No tratamento de seus títulos de Doutores à assar pães de queijo e lavar a louça do chefe. Mas policio-me ao lembrar de que estou lá por algum motivo, me mantenho disposta a aprender, a ouvir, a incitar minha curiosidade, a ocupar-me, a me conectar e me sentir pertencente.

Isso tudo, ainda que eu não conheça a maioria dos termos específicos que compõe o vocabulário deles.

Talvez esteja trabalhando meu ego, meu autoritarismo, minha ganância de conhecimento, a cada situação em que me vejo humildemente disposta. E muitas vezes o gosto disso é amargo. Talvez esteja trabalhando também, outros aspectos da minha própria personalidade, como por exemplo, meu senso crítico, minha liberdade, minha condição, minha submissão.

Ou, talvez eu esteja me sacrificando agora pelo meu próprio futuro ou por meus próprios planos.

Trabalhando o passado de uma assistente administrativo

Talvez eu esteja me redimindo de conceitos pré estabelecidos. De palavras agressivas proferidas no passado. E talvez todos esses “talvezes” sejam certezas um tanto difíceis de serem reconhecidas. Ou seja, difíceis para uma “mera” assistente administrativa.

A Constelação facilita a minha reverência por outras histórias, outras vidas, outros contextos. Em locais onde a hierarquia não é tão severamente imposta, eu a acolho de bom grado. Percebo ainda o quanto, passando pelo prisma da compaixão, é suave desenvolver sentimentos como:

O poder do equilíbrio

É como se por meio do voluntariado, do desenvolvimento espiritual ou de relações que pregam o amor como propósito, eu sentisse toda a liberdade. De fato, o amor que preciso para alcançar a compreensão. Tudo é leve e fluido. Tudo é mais orgânico e penetrante.

Então, parece fácil aprender pelo amor. Por outro lado, não posso dizer que aprender pela dor, eventualmente, não seja tão eficaz quanto.

Conclusão: assistente administrativo e constelação empresarial

Para ajudar os outros, precisamos estar bem, conectados e equilibrados conosco. De nada adianta eu ter a pretensão de facilitar, resolver algum emaranhado, se no meu eu interior não estiver tudo alinhado.

Concluo que a nossa postura diante da consciência que tomamos nos coloca no lugar onde precisamos, para reconhecer, aprender, perdoar, exercitar, respeitar. Nós descobriremos o nosso espaço, saberemos até onde nos compete ir e intervir, nós não julgaremos em hipótese alguma. Pois, A simplicidade nos levará ao ponto que queremos chegar.

A gentileza ligará os pontos. A verdade revelará e o amor ensinará. Que este seja o início de uma caminhada proveitosa, cheia de descobertas na minha jornada como assistente administrativo. Que eu esteja livre e aberta para absorver e observar tudo o que vier à mim.

Este artigo foi criado por Ariadne Thiele, especialmente para o nosso site Constelação Clínica.

Conheça o nosso curso EAD de Formação em Constelação Familiar e tire suas dúvidas. Qualquer profissional pode se beneficiar dos conhecimentos da Constelação Familiar e promover modificações significativas na vida dos outros, como é o caso do assistente administrativo. Por meio de atendimentos presenciais e online, com ou sem auxílio de bonecos, famílias inteiras, casais, empresas, gestores e equipes de trabalho podem se beneficiar dessa terapia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze + seis =