Constelação e vida diáriaConstelação Familiar

Autonomia: o que é e para que serve?

A liberdade em suas variadas formas é um objeto desejado por qualquer criatura viva, especialmente o ser humano. Compreender a sua natureza bruta pode ressignificar algo que você acreditava saber, sabia? Assim, descubra o que é autonomia e como isso impacta nas suas escolhas.

O que é autonomia?

Autonomia se trata da liberdade, independência ou autossuficiência que alguém pode conquistar sem ser manipulado. O conceito abraça a sensação de não encontrar impedimentos para realizar suas vontades, tendo livre escolha para decidir o seu destino. Embora seja um conceito linear, existem vários tipos dessa liberdade.

O princípio da autonomia abraça o desbloqueio de qualquer empecilho para que possamos exercer nossas vontades. Sem contar que é um desejo natural de qualquer ser vivo quando nota a própria existência. Por exemplo, as crianças enquanto crescem já mostram uma independência que corresponde ao seu desejo de se aprimorarem.

No caso delas, é a vontade de enfrentar o mundo no seus próprios termos indo contra a vontade dos pais. A exemplo, brincar na terra, ir para a chuva e rabiscar nas paredes. Estes são desejos autônomos e ligados diretamente com a sua vontade pessoal, sem influência de ninguém.

A autonomia na educação infantil

A autonomia na educação infantil aponta para a capacidade do aluno de trabalhar de forma independente na organização dos seus estudos. Com isso, o aluno consegue se desligar mais do seu professor, mas sem ter qualquer prejuízo com isso. Na verdade, isso se mostra até um treino para lidar com os aspectos de sua vida adulta.

Assim, o aprendiz compreende melhor o seu papel administrativo na sua própria educação. Dessa forma, ele compreende melhor a dedicação e a forma que precisa empregar no tempo de estudo. Isso inclui as fontes de informação que utilizamos para aprender. Tais como:

  • livros;
  • mídias visuais;
  • internet;
  • e até o ensinamento oral.

Por exemplo, pense no ensino EAD ou ensino à distância, algo muito comum hoje. O aluno tem em mãos um conteúdo preparado aos seus estudos de forma padronizada. Contudo, deve saber gerir a própria disciplina para estudar adequadamente nessa modalidade de estudo.

Autonomia: significado na Ciência Política

Na Ciência Política, autonomia designa a construção das próprias leis sem que haja interferência de um Governo Central. As tomadas de decisões na construção das regras são feitas de forma mais independente e pluralizada. Nisso, várias formações diferentes podem discutir o que pode ser melhor a todos e estabelecer um consenso.

Claro, é preciso que haja um poder central no centro para servir de diretriz política em uma nação. Entretanto, cada componente de uma nação possui demandas e atribuições distintas. Assim, ter independência para fazer escolhas torna mais fácil o desenvolvimento e reconstrução social e econômica de um lugar.

Identidade e autonomia na Filosofia

No campo da Filosofia, autonomia diz respeito à liberdade que uma pessoa tem de gerir a própria vida. Desse modo, trata-se de poder fazer as suas próprias escolhas de forma racional e perfeitamente equilibrada sem qualquer interferência. Mais uma vez, qualquer influência externa fica anulada na sua construção de pensamento.

Filosoficamente falando, o indivíduo possui uma lei pessoal e vive a sua realidade de acordo com ela. Todavia, isso não significa que essa lei entra em atrito com outras, não sendo incompatível com elas. Seria como um sistema personalizado, onde o indivíduo se molda de acordo com o ambiente externo.

Aqui podemos dar início à ideia de referência, em como uma pessoa cria sua personalidade baseada no mundo externo. Em seu desenvolvimento, ela vai entendendo tudo aquilo que precisa para crescer e atingir o seu ápice. Por isso que existe uma individualidade tão acentuada nos seres humanos ao pensarem, fazerem e agirem.

Leia também:  Formação para ter diploma de Constelação Familiar

Pedagogia da autonomia

Paulo Freire também discutiu a respeito da autonomia literária em sua obra Pedagogia da autonomia. Trata-se de um livro com práticas pedagógicas que são importantes na educação. Por meio dessas propostas, o autor indica caminhos de intervenção para melhorar ensino no país.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

Nisso se inclui os caminhos para alimentar a autonomia dos alunos em sala de aula. Além disso, é validada a valorização e respeito da cultura de cada um e como isso colabora ao conjunto. Os conhecimentos oriundos da sua individualidade ganham extrema importância na construção do saber pessoal e coletivo.

Você pode encontrar em Pedagogia da autonomia (PDF ou livro físico) um compilado de experiências e métodos inovadores. De forma atrativa, dá para perceber que valorizam a curiosidade dos alunos, bem como dos professores, fugindo de qualquer interesse capitalista. Na obra, esse capitalismo educacional é condenado por afastar qualquer chance aos desfavorecidos.

Benefícios da autonomia

Entender os benefícios da autonomia, sinônimo ou qualquer ligamento é importante a qualquer indivíduo. A identidade e autonomia na educação infantil 4 e 5 anos, por exemplo, potencializa o crescimento intelectual dos estudantes. Não o bastante, também ajuda no desenvolvimento de características como:

  • responsabilidade;
  • confiança;
  • melhora da cognição.

Agora, vamos entender cada um desses benefícios da autonomia nos próximos tópicos.

Responsabilidade

Desde novos podemos aprender a controlar as próprias atitudes para gerar resultados específicos e desejados. Lidar de forma sadia com a carga do ser e crescer. Sem contar que nos tornamos mais dedicados para que nenhum planejamento saia do caminho esperado.

Confiança

Acreditar em si mesmo deve ser um elemento necessário para qualquer aprimoramento. Isso permite que a criança enxergue seus próprios valores e se sinta livre para arriscar. Independente dos resultados obtidos, ela sempre tomará a iniciativa para realizar algo.

Melhora da cognição

Por meio desse trabalho de independência, é possível construir as habilidades cognitivas de uma pessoa. Isso inclui a dialética, memorização, raciocínio e diversas outras para a convivência em sociedade. Já que se encontra livre e independente, consegue trabalhar esses caminhos diariamente através de interações e exploração.

A necessidade da autonomia

A autonomia entra como um ingrediente vital na formação sistêmica de uma pessoa. Sem ela, é praticamente impossível ter experiências verdadeiras que nos ajudem na vida. Nisso, conseguimos habilidades com:

  • escolhas;
  • comunicação;
  • inteligência emocional.

Nos próximos tópicos vamos entender cada uma dessas necessidades.

Escolhas

Não se trata apenas de ter várias opções, mas saber escolher aquelas que podem ser as certas a você. Claro que todos nós aprendemos com os erros, mas errar sempre pode causar efeitos negativos em sua transformação. Assim, por meio dessa liberdade, escolherá melhor tudo aquilo que lhe é necessário.

Comunicação

A comunicação é um dos objetos mais trabalhados, de modo que a autonomia influencia diretamente no modo de construí-la. Isso define em partes, por exemplo, uma pessoa extrovertida e introvertida. Nos estímulos cognitivos é possível ensinar valiosas lições sobre.

Inteligência emocional

Compreender as frustrações evita que uma pessoa se torne alguém insatisfeito e triste constantemente. Com as crianças, por exemplo, deixe que elas tentem encaixar um brinquedo e não consigam de cara. Não critique os resultados e mostre que sempre há outras chances de fazer essa escolha.

Considerações finais sobre autonomia

A autonomia é o símbolo máximo da expressão dos desejos e ideias pessoais de um ser vivo. Através dela se abre uma porta para moldar a realidade ao nosso redor conforme a nossa imagem. Por isso que se trata de um bem tão valioso em nosso crescimento como indivíduos e parte da sociedade.

Leia também:  Sofrimento emocional: superando com a Constelação

Assim, procure os caminhos que colaborem para que essa ferramenta seja bem desenvolvida em você. Caso faça parte da educação de uma criança, junto aos professores, alimente essa força interna positivamente.

Independente de como prefira aplicar seus conhecimentos sobre autonomia, se inscreva em nosso curso de Constelação Clínica 100% online. Com ele, você pode construir o seu autoconhecimento para que possa estruturar sua vida e alcançar seu potencial. A autonomia aprendida com a ajuda da Constelação elevará seus conhecimentos e sua formação de modo profundo.

2 thoughts on “Autonomia: o que é e para que serve?

  1. Autonomia é você ter liberdade e Independência que pode conquistar as pessoas sem manipular ela possui a liberdade de fazer suas próprias escolhas da sua vida as suas próprias regras de forma independente e a gente tem como exemplos as crianças que quando já estão na fase do de crescerem ela já mostra uma grande Independência autonomia apreendida com ajuda da Constelação leva seus conhecimentos e suas próprias formações de modo profundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + catorze =