Transtornos

O que é distúrbio do sono e como tratar

Muitas pessoas não sabem o que é distúrbio do sono. Contudo, este vem sendo um problema abrangente. Por isso, saiba mais sobre o assunto nesse artigo.

Muitas pessoas não sabem o que é distúrbio do sono. Contudo, este vem sendo um problema abrangente. Pois, possui sintomas variados e a demora no diagnóstico pode comprometer sua qualidade de vida.

É por isso que é muito importante cuidar da nossa saúde e prestar atenção aos detalhes. Desse modo, a qualidade do sono é um dos melhores diagnósticos para compreender se algo não está bem.

Assim, o que pode ser compreendido como um simples sintoma de estresse, por exemplo, pode acabar se revelando algo muito mais sério.

O que é distúrbio do sono?

Nesse sentido, o distúrbio do sono é um conjunto de fatores que causam mal à saúde. Portanto, não se trata de um mal isolado. Sendo assim, entre os males que compõem o distúrbio do sono, estão:

  • Insônia: dificuldade de iniciar o sono e permanecer dormindo;
  • apneia obstrutiva do sono: obstrução das vias aéreas na região da garganta;
  • síndrome das pernas inquietas: agitação involuntária dos membros inferiores que, em casos graves, pode atingir os braços;
  • bruxismo: este é o ato inconsciente de ranger e apertar os dentes, e pode acontecer enquanto estamos dormindo;
  • narcolepsia: sono instantâneo que acomete a pessoa em qualquer lugar e horário;
  • paralisia do sono: é a incapacidade de se mover ou de falar ao acordar. Em alguns casos, são reportadas alucinações:
  • sonambulismo: ato de praticar ações em estado de sono. Em geral, a pessoa não se recorda do que fez.

O que é distúrbio do sono e suas causas

Dessa maneira, as causas do distúrbio do sono são facilmente confundidas com estresse. Logo, costumamos dizer que estamos dormindo mal por causa do trabalho ou pelo acúmulo de coisas durante o dia. Ademais, até nossa relação com as pessoas acaba sendo apresentada como motivo destes distúrbios.

Mas, além do estresse, o distúrbio do sono tem outras causas. Assim, essas causas podem estar relacionadas à irregularidade do sono e atividades cerebrais ou respiratórias comprometidas.

Contudo, não apenas isso, mas problemas motores como o Parkinson podem, também, causar distúrbios do sono.

Principais sintomas

O primeiro sinal de alerta para o distúrbio do sono, é quando durante o dia você sente muito sono. E de forma crônica, não apenas um pouco. Pois, sono em excesso é um sinal de que algo não está bem.

Além do sono em excesso, o distúrbio afeta a capacidade de concentração e aprendizado. E ainda, gera alterações de humor e problemas na memória. Também a fadiga pode representar um sintoma deste distúrbio.

Outro sintoma característico é o ronco. Porque roncar não significa que a pessoa está dormindo bem. Contudo, que algo pode estar errado com sua saúde. Em especial quando este hábito é constante.

O que é distúrbio do sono: atenção às principais características

Uma vez que você entende o que é distúrbio do sono, deve estar atento, também, às suas principais características. Entretanto, os sintomas podem mudar de pessoa para pessoa. Porém, o distúrbio apresenta os seguintes pontos em comum:

  • Atitudes incomuns enquanto dorme;
  • dificuldade em se manter acordado;
  • problema para dormir ou para acordar;
  • dificuldade em manter uma rotina do sono.

Fique atento!

Se os sintomas do distúrbio do sono não melhorarem ou, piorarem, busque ajuda especializada.
Assim, precisamos estar alertas ao primeiro sinal de que nosso sono está muito desregulado.

Mas, lembre-se que idade não é um fator mandatório para este problema, embora seja mais comum em crianças e idosos. Por isso, é importante estar sempre atento aos sinais que o próprio corpo dá.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

Veja como tratar distúrbio do sono

Uma vez identificado o distúrbio, ele pode ser tratado de diversas formas. Então, os tratamentos mais comuns envolvem o uso de medicamentos, terapias, ou aparelhos específicos.

Leia também:  Como a Constelação auxilia no Transtorno Bipolar

Desse modo, também é possível lidar com distúrbios do sono utilizando aromaterapia e cromoterapia. Além de técnicas de relaxamento e meditação.

Estabeleça uma rotina e cuidados com a alimentação!

Um dos primeiros passos para tratar o distúrbio do sono, é organizar a hora de dormir. Assim, o ideal é se preparar algumas horas antes. Ou seja, desconectar-se de eletrônicos como celular e televisão, e do trabalho antes de deitar-se, é fundamental para uma boa noite de sono.

Ademais, deve-se evitar exercícios físicos muito pesados antes de dormir. Por isso, regule seu horário de sono para que tente ser sempre o mesmo todos os dias. Tanto para deitar-se como para se levantar.

Por isso, entenda que a hora de dormir deve ser encarada como um momento sagrado. Portanto, especialistas não recomendam comer alimentos muito pesados ou que causem agitação. Assim como bebidas com cafeína ou componentes energéticos devem ser evitadas.

Conheça outras 7 dicas para dormir melhor

Uma vez identificado o que é distúrbio do sono, deve-se organizar a rotina para dormir. Dessa forma, existem maneiras que podem ajudar a ter uma boa noite de sono!

1. Chocolate quente

Não apenas o chocolate quente, mas qualquer bebida quente ajuda o corpo a relaxar. Contudo, como mencionamos, evite café e outras bebidas que contenham cafeína. Chás também devem ser escolhidos com cuidado pois alguns também são energizantes.

2. Controle sua respiração e relaxe

Sendo assim, meditação e exercícios de respiração são duas estratégias indicadas para ajudar a ter uma boa noite de sono. Pois, controlar a respiração ajuda o corpo a relaxar.

3. Distraia-se

Aqui, distrair-se não significa usar o celular. Nesse caso, significa ler um livro ou revista, ou ainda repassar os acontecimentos do dia que não causem estresse.

4. Desconecte-se dos eletrônicos

Portanto, é fundamental evitar usar o celular ou ver televisão antes de dormir. Mas se o uso for inevitável, procure diminuir o brilho das telas.

5. Escute músicas relaxantes

Músicas ajudam o corpo a relaxar. Antes de dormir, coloque músicas relaxantes ou sons da natureza. Então, aproveite as as playlist nos aplicativos de música com áudios próprios para relaxar antes de dormir.

6. Redecore seu quarto

Quais são as cores que predominam no seu quarto? Então, você precise reestruturar a decoração do ambiente com elementos que ajudem a acalmar. Pois, essa é uma ideia que auxilia não apenas a pegar no sono, mas a manter o corpo relaxado e o estresse em baixa.

Nesse sentido, escolha cores mais frias como cinza, azul e verde. Assim, como as cores em tons pastel. Portanto, as cores mais vibrantes, como amarelo e vermelho devem ser usadas em outros cômodos da sua casa.

7. Respeite seu horário de sono

E ressaltamos a importância de criar uma rotina de dormir sempre nos mesmos horários. Se necessário, coloque um despertador para lembrar que é hora de ir dormir.

Conclusão sobre o que é distúrbio do sono

Entender o que é distúrbio do sono ajuda a melhorar sua qualidade de vida e seu equilíbrio interior. Desse modo, qualidade de vida não é apenas fazer exercício físico e se alimentar bem. Mas é também cuidar do horário de dormir e dar a esse momento toda a importância devida.

Por isso, é necessário estar sempre revendo nossos hábitos. Assim, como estamos em constante mudança e, com a rotina que temos no dia a dia, precisamos colocar nossa saúde em primeiro lugar. Afinal, estando saudáveis, somos capazes de realizar e conquistar muitas coisas!

Entenda mais sobre o que é distúrbio do sono

Se você se interessou pelo tema e quer entender mais o que é distúrbio do sono, faça nosso curso online de Constelação Familiar. Desse modo, você aprenderá ferramentas para lidar com suas emoções e relacionamentos. Logo, conquistará o seu bem-estar e poderá dormir de forma tranquila.

Leia também:  Como superar traumas através da Constelação Familiar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × um =