Constelação e vida diáriaConstelação Familiar

Constelação Familiar e Constelação Organizacional: Principais diferenças

A constelação familiar pode ser aplicada em vários contextos. A escolha dependerá do objetivo e o problema que espera se resolver. Considerando isso, achamos importante falar de duas aplicações possíveis: constelação familiar e constelação organizacional. Nós falaremos um pouco de cada uma e, no final, vamos detalhar algumas diferenças.

O que é Constelação Familiar

Para começarmos a nossa discussão sobre constelação familiar e constelação organizacional vamos falar da constelação familiar.

Essa teoria foi estabelecida por Bert Hellinger. Trata-se do estudo que norteia essa teoria é a busca por entender como os sistemas familiares influenciam nas nossas vidas. Afinal, todos temos cargas emocionais e características que não entendemos. Normalmente é muito difícil determinarmos a origem de tudo isso, ou o que motiva esses sentimentos. Para a constelação familiar, a origem está nos sistemas familiares.

Benefícios

Através da constelação familiar pode-se analisar padrões de comportamentos de gerações de grupos familiares. Com essa análise, esse método psicoterapêutico pode relacionar doenças e problemas entre membros de um mesmo sistema.

Consequentemente, tanto o constelado como seus familiares, mesmo os desconhecidos, podem ter passado pelas mesmas coisas. Em resultado disso, há um rastreio de comportamentos nocivos que se arrastam por gerações mesmo que de forma inconsciente.

Lembrando que é só a partir do conhecimento que há a possibilidade de tratamento. Por isso é importante buscar ajuda.

Os três princípios norteadores da Constelação

Como dissemos, a constelação tem sua origem nos estudos de Bert Hellinger. Estudos começados após seu desligamento com o clero, em que se dedicou ao estudo de terapias diversificadas. No entanto, o que o motivou a começar foi o contato com as tribos zulus durante seu ministério na África.

O estudo de Hellinger

Bert se influenciou em várias técnicas terapêuticas, principalmente na análise de estruturas familiares. Este estudo é da americana Virginia Satir e diz que um estranho pode representar uma pessoa de uma família. Essa representação conseguiria refletir todos os sintomas físicos e comportamentais desse grupo.

Um ponto interessante para Bert nessa teoria é a possibilidade de fazer isso mesmo sendo alguém desconhecido. Tal situação permitiria um tratamento mais amplo e sem restrições quando aos membros participantes, não sendo necessário membros reais para a sessão.

A dramatização

Com esse conhecimento, Bert começou a pensar na constelação familiar e na importância da dramatização. Isso porque a dramatização de um caso trazido pelo constelado possibilita o conhecimento da origem do problema. Já que a interpretação reproduzirá a origem dentro do sistema que o constelado traz, as sessões de psicoterapia em que a pessoa vai sozinha pode ser plenamente eficaz.

Princípios da Constelação

Como dissemos, para a constelação os problemas que temos estão ligados aos nossos sistemas familiares. Quando nossos sistemas estão desequilibrados, os problemas aparecem. Além disso, Hellinger propõe que há três princípios que norteiam nossas vidas. São eles:

  • A necessidade de pertencer ao grupo ou clã;
  • A necessidade de equilíbrio entre o dar e o receber dentro dos relacionamentos;
  • A necessidade de hierarquia dentro do grupo.

Esses princípios são como leis que não podemos fugir. Elas exercem influência em todos os nossos relacionamentos, sejam amorosos, profissionais ou familiares. Ao passo de que quando estamos em harmonia com essas leis, vivemos em paz. Ou seja, o equilíbrio dessas é essencial para alcançarmos a felicidade.

Ordens do amor

Bert nomeou as leis que originam desses princípios como “leis (ou ordens) do amor”. Nesse contexto, as leis não influenciam apenas na vida de uma pessoa, mas em todo o grupo. Dessa forma, devemos pensar que a nossa negligência as leis do amor influenciarão no futuro de outras pessoas.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

O que são as Constelações Organizacionais

As constelações organizacionais têm como meta identificar padrões de comportamento nocivos. Esses comportamentos afetam diretamente o crescimento individual e, consequentemente, o sistema empresarial. Dessa forma, as constelações organizacionais e focam para trabalhar esses problemas. Sejam eles relacionados a um grupo específico ou de toda a empresa.

Leia também:  As obras de Bert Hellinger em português

A identificação e resolução do problema nessa terapia é profunda. O foco estará sempre em resolver o desequilíbrio que esses problemas provocam no sistema da organização.

A que se destina a Constelação organizacional

Quando um sistema empresarial quebra por conta do desequilíbrio do ambiente tóxico, é preciso de intervenção. As constelações organizacionais podem ser um divisor de águas na empresa.

A importância se dá, pois, um constelador trabalhará individualmente e em grupo para resolver o problema. Ele identificará, através da terapia, a postura de todos em relação ao ambiente. Pois, é a isso que as Constelações Sistêmicas Organizacionais se destinam: trabalhar as manifestações inconscientes e inerentes de cada membro da empresa.

Tendo posse disso, o empresário conseguirá ter uma visão clara de sua organização. Em seguida, poderá trabalhar o que pode estar impedindo o crescimento da empresa.

Diferenças entre a constelação familiar e a constelação organizacional

Agora que vimos um pouco sobre as constelação familiar e constelação organizacional. Vamos apontar algumas diferenças entre esses dois tipos de prática.

Inicialmente, as duas opções atendem a objetivos diferentes e cumprem muito bem sua função quando adequadas ao contexto. Vamos as outras diferenças:

Quem executas essas constelações

As constelações familiares são executadas principalmente por terapeutas. Já as organizacionais não funcionam dessa forma. No âmbito empresarial os facilitadores que praticam a constelação têm um perfil mais próximo de um consultor de empresas.

Duração dos sistemas

As organizações não são algo que duram para sempre. Já os sistemas familiares nos acompanham do nascimento até a morte. Na verdade, se pensarmos nas questões de hereditariedade de emoções e traumas, o sistema dura para além da morte. Essa é uma diferença essencial entre os sistemas.

A importância se dá, pois, nas organizações o pertencimento dos seus membros é temporário e facultativo. Isso é o que deixa a prática ainda mais complexa. Entender sobre quem pertence a esse sistema é muito mais difícil. Ainda mais quando se desliga do sistema, mas seu legado fica. Esse vínculo complexo é difícil e pode causar problemas.

Tais vínculos que acontecem nas organizações não são possíveis na família.

Princípio da Ordem nos dois sistemas

O princípio da ordem é muito mais simples na família. Isso acontece, pois, em uma organização, a hierarquia também pode assumir contextos diferentes. É difícil definir o que é mais importante dentro de uma empresa: a entrada na empresa, a qualificação, etc. Além disso, as famílias são orientadas à auto conservação. Já as organizações tendem a visar a execução de tarefas.

Finalização das constelações

Nas constelações familiares é essencial que a solução seja apresentada no final da prática. Já nas constelações organizacionais essa necessidade não existe. No final desta há mais um impulso do que poderá se desenvolver mais tarde. É o início de uma mudança, não um fim propriamente dito.

Considerações finais sobre constelação familiar e constelação organizacional

As constelação familiar e constelação organizacional apresentam diferenças. Em cada contexto uma aplicação é mais indicada que a outra. Vimos aqui alguns pontos, mas se você deseja conhecer mais, faça nosso curso 100% online de Constelação Clínica com início imediato. Nele, você vai aprender profundamente sobre essas aplicações e poderá atuar na área profissionalmente. Tentador, não acha? Então faça já a sua matrícula!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + dezesseis =