Constelação e RelacionamentosConstelação Familiar

Viagem em família: como se preparar

Começo de ano, férias ou um fim de semana prolongado é perfeito para organizar um passeio. Esse é um momento ideal para unir a família e escolher um bom destino, contudo é preciso se planejar bem, a fim de evitar imprevistos ou justamente para trabalhar o surgimento deles. Continue a leitura e veja como preparar uma viagem em família.

Quando fazer uma viagem em família

A melhor resposta para essa dúvida talvez seja “depende”. Para iniciar uma viagem em família, muitos fatores devem ser considerados. É possível economizar bastante a depender do destino e data da viagem. Veja abaixo o que deve ser levado em conta:

  • Disponibilidade

Uma viagem em família fica melhor quando todos estão presentes, pois isso fortalece a união em um momento de paz e diversão. Portanto, é preciso planejar bem o passeio. Na ausência de feriados prolongados, o tempo disponível dos adultos deve entrar em acordo com o tempo das crianças, já que estes não podem se ausentar da escola unicamente para viajar a passeio.

  • Destino

É uma das melhores partes da viagem além dela mesma. A escolha do destino é primordial ao andamento da viagem, visto que, a depender do lugar, será necessário uma locomoção maior e um orçamento mais amplo.

Caso note que o mesmo demandará mais cifras e uma logística maior de movimento, escolha um destino acessível a um prazo mais curto e de execução mais simples.

  • Orçamento

Para uma viagem em família, todos os gastos devem ser milimetricamente pensados. Isso porque qualquer atividade durante a viagem certamente terá um custo. Ademais, o valor multiplicado por mais duas ou três pessoas pesará no bolso.

Assim, ao escolher o destino da viagem, pensem em todos os programas que pretendem fazer e reservem adequadamente um valor seguro para cada atividade.

O que levar na viagem em família?

Basicamente, o essencial. A resposta para a pergunta pode parecer vaga, mas faz todo o sentido. Coloque na mala apenas acessórios que irá precisar de fato. Por exemplo, se você residir na região sul do país e pretende viajar para o norte ou nordeste, não há a necessidade de levar casacos ou qualquer outro material de tecido mais grosso.

Numa mala de tecido mais leve e resistente, que é mais fácil de ser carregada, leve roupas mais neutras e casuais, fazendo equivalência aos dias que ficará fora. Se pensar em comprar algum vestuário, diminua o volume da mala para que não tenha problemas em fechá-la. Separe materiais de higiene e poucos calçados para se locomover no lugar.

Quanto antes melhor

Uma viagem em família pode ser classificada como uma maratona. Todos os envolvidos devem verificar a disponibilidade, arrumar cuidadosamente suas malas, entre outras coisas. Embora seja algo mais trabalhoso, recomenda-se que o planejamento comece bem antes da data desejada. Isso porque há muitas vantagens organizar antecipadamente o passeio.

Por exemplo, ao planejar com antecedência você verá que as passagens são mais baratas quando compradas meses antes da hora de viajar. Quanto maior for a lotação do voo ou mais perto estiver da viagem, o preço dos bilhetes será bem mais caro. Escolher com antecedência o destino vai diminuir o custo do transporte e esse dinheiro a mais pode servir para aproveitar melhor o passeio. A hospedagem funciona do mesmo jeito.

Ademais, anteceder detalhes também diminui imprevistos. A depender do destino, há documentações específicas para a entrada no lugar, como alterações no cartão de vacina da família e do seu animal. Você pode evitar problemas com alguma atração local que dependia de ingressos para ser visitada, não deixando de reservar os seus.

Dicas para quem está planejando uma viagem em família

Ainda que você esteja bem estruturado até essa parte do texto quanto à sua viagem em família, alguns macetes sempre são bem-vindos. Manter atento a alguns deles pode tornar a sua viagem bem fluida e mais prazerosa, já que está bem estruturada. São eles:

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Constelação.

    Delegação de tarefas

    Faça a distribuição igualitária de tarefas. Se você é o responsável pelas passagens, hospedagem e documentos, peça a ajuda de alguém para a elaboração de roteiros, por exemplo. Para outro membro da família, peça que organize e verifique as malas com frequência para assegurar de que não falta nada de útil.

    Dividir as responsabilidades torna o planejamento menos estressante e inclui toda a família no processo.

    Rodízio de atividades

    Cada membro da família possui gostos e vontades diferenciadas. Ao elaborar o roteiro, inclua um lugar de visitação baseado no que cada familiar gosta. Deste modo, todos terão a chance de aproveitar melhor a viagem sem se sentirem forçados a passeios mais genéricos.

    Documentação

    A depender do destino da viagem em família, é preciso estar em dia com toda a documentação. Especialmente filhos menores de 12 anos, que necessitam de documentos extras. Ao planejar a viagem, trabalhe antecipadamente essa questão para evitar problemas maiores.

    Descansem bastante

    Independente da distância entre sua casa e o destino, é recomendado que todos descansem adequadamente. Ainda que o trajeto seja curto, o caminho até lá também é cansativo. Com tudo pronto de antemão, durma no mínimo oito horas para se manter bem disposto e sem estresse.

    Feche sua agenda social

    Pode parecer um pouco ríspido, mas é aconselhável não se comprometer socialmente. Uma razão para fazer isso é o fato que aconteceu com um jovem. Ele afirma que parentes distantes, por razões desconhecidas, decidiram visitá-lo um dia antes de sua viagem para levar um jovem até o colégio que estudaria.

    Eles haviam combinado de se encontrar um mês antes para realizar a inclusão do jovem no colégio, mas o mesmo não apareceu para cumprir o trato, chegando apenas às vésperas da viagem dele. Como resultado, o anfitrião chegou em cima da hora para embarcar em seu voo, quase o perdendo no caminho.

    Saiba sobre as comodidades do lugar escolhido para se hospedar

    Qualquer viagem não deve ser pautada apenas pela beleza de um lugar. Quando se faz uma viagem em família, é necessário se ater a quesitos básicos para preservar cada membro. Assim, confira se é seguro andar à noite no local, se o lugar oferece proteção à família e áreas de lazer protegidas, além do espaço seguro para as crianças.

    Considerações finais sobre a viagem em família

    Uma viagem em família é o momento de todos relaxarem e repor suas energias. Ainda que seja a oportunidade para renovação, é preciso se preparar adequadamente para tirar melhor proveito e prevenir eventuais imprevistos. Afinal, tudo pode acontecer.

    Não podemos destacar mais o quanto é importante que você dedique um bom tempo à organização. Trabalhe detalhadamente com a ajuda da sua família o planejamento e cuidado das etapas do passeio. Deste modo, todos colaborarão para que o sonho continue firme e a experiência da organização servirá para outras saídas como forma de laboratório. Até porque ser preparado nunca é demais.

    Agora que está mais seguro sobre sua viagem em família, conta para gente os planos desse ano. Quais destinos pensam em visitar e o que estão fazendo para tornar isto viável. Uma ótima organização é exemplo de referência a outros viajantes, principalmente os mais novatos. Por outro lado, se estiver buscando conhecimentos mais profundos sobre como lidar com sua família efetivamente, matricule-se em nosso curso de Constelação Familiar online.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    cinco × dois =