Constelação FamiliarTerapias alternativas

Coaching pessoal: o que é, como a Constelação pode agregar?

Infelizmente, algumas pessoas carregam uma visão alternada sobre orientação externa, vendo isso como modismo. Contudo, receber essa guia, ainda auxiliada pela Constelação familiar, pode trazer resultados grandiosos. Vamos entender melhor o que é coaching pessoal e como a Constelação pode ajudar.

O que é coaching pessoal?

Coaching pessoal é um instrutor de desenvolvimento pessoal que se utiliza de técnicas para transformar nossas vidas. Por meio dele, traçamos um caminho onde a realização pessoal é almejada e alcançada. Dessa forma, conseguimos equilíbrio físico, mental e emocional na vida.

O coaching nos instrui a traçar metas, etapas, para a realização de nossos objetivos. Em meio a isso, nos auxilia proporcionando ferramentas e o modo de consegui-las implementar em nossas vidas. De forma simplória, nos remete à história onde nos ensina a pescar ao invés de nos dar o peixe. Ele tem o poder de reformular nosso comportamento.

Cabe ressaltar que existem diversos tipos de coaching, de forma atender qualquer necessidade. Assim, existem os voltados a relacionamentos, à parte financeira, ao emagrecimento, esportes… Etc. A depender da necessidade, um indivíduo terá a ajuda de que precisa. Ainda mais precioso é o profissional que se vale da Constelação familiar em suas práticas.

De que forma a Constelação agrega?

A Constelação familiar vem para agregar mais valor ao trabalho do coaching pessoal do que de costume. Isso porque a psicoterapia pode sensibilizá-lo às necessidades escondidas que nem o próprio cliente enxerga. Essa mudança de perspectiva proporciona uma unidade de trabalho mais exata, bem como os objetivos a serem traçados.

Por meio da Constelação, o coaching observará o que aflige o paciente e entenderá como isso impacta na vida dele. A ideia é fazer com que ele realoque a própria vida, dando um novo rumo e significado para ela. Dessa forma, este indivíduo sentirá que pertence a um lugar, uma vida, alguém e a um projeto.

O coaching buscará nas raízes da família gatilhos e impulsos que alimentam o modo de vida do seu cliente. Em geral, as barreiras que alguém enfrenta derivam diretamente da herança familiar perpetuada no campo da família. O objetivo do profissional é fazer com que o cliente as enxergue, as entenda e escolha alternativas voluntárias à vida.

Como isso se dá na prática?

Com o apoio da Constelação familiar, o coaching pessoal trabalhará os padrões emotivos e comportamentais do indivíduo. A ideia é trazer conhecimento a tudo o que impede esse ente de alcançar seu objetivos na vida. Por meio de perguntas precisas e bem colocadas, conseguirá identificar empecilhos e outras dificuldades.

Com isso, pode ajudar esse indivíduo a identificar e aperfeiçoar cada ponto fraco que possui. Ainda que os consteladores sejam instruídos a não se envolverem no processo de identificação, o coaching age de forma alternada. Estabelece uma ligação o suficiente para que se crie confiança no processo. O cliente acreditará no profissional e nele mesmo.

Assim que o coaching intervir, o cliente pode mudar qualquer tendência pessoal indesejada. Dessa forma, pode dar fim aos enlaces emocionais que foram mal resolvidos no passado. Consequentemente, isso permite que ele inclua novas abordagens, a fim de reconquistar o que perdeu ao longo da vida.

Benefícios

Como deve imaginar, a inserção de um coaching na rotina comum traz excelentes benefícios. Enquanto reprograma seu comportamento, tudo ao seu redor se realinha, de modo a encaixá-lo numa realidade mais positiva. Agora é a hora da reconquista, já que terá bagagem suficiente para tal. Tudo começa por meio do:

Autoconhecimento

O trabalho do coaching munido da Constelação familiar proporciona a navegação em nosso fluxo familiar. Isso dá abertura para entendermos como nossas ações são construídas, de forma a vermos os catalisadores. Por causa disso, podemos fazer intervenções necessárias para controlar esse fluxo e fazer com que tudo obedeça à nossa vontade.

Autoestima

Sabendo quem somos e do somos capazes, passamos a valorizar mais a nossa existência. A autoestima se torna um adubo comportamental, por assim dizer. Isso porque temos motivação constante para trabalhar em nossa própria vida e progresso. Ademais, e acima de tudo, passamos a nos amar sem qualquer dúvida.

Superação de traumas

Com a observação do que está grudado em nosso passado, podemos perceber nossas rachaduras. Trata-se da forma como foram criadas, como cresceram e como deixaram nossas vidas sem estrutura. O profissional vai intervir ao nos ajudar a trabalhar esses traumas de frente. Pouco a pouco, no nosso tempo, iremos aprender a superá-los.

Resultados

Com o passar do tempo, conseguimos notar a influência positiva do coaching pessoal à nossa vida. Mesmo que as sessões tenham encerrado, um mecanismo de repetição continua ativo em nós. Em suma, repetiremos de forma natural tudo o que nos foi ensinado, de modo a perpetuar os benefícios. Vemos isso na:

Sensação de pertencimento

Caso esteja desconfortável com o lugar onde está atualmente, a psicoterapia pode intervir de forma positiva. Por meio dela, será aberta uma investigação a fim de impulsionar a procura ao seu próprio lugar. Ao invés de fugir dos problemas, você passa a olhá-los e a entendê-los. O mapa de seu corpo para a ter mais pontes e não desfiladeiros.

Poder de escolha

O coaching vem para mostrar de que forma o fluxo familiar tem impactado em nossas vidas. De forma inteligente, combina suas habilidades pessoais com a psicoterapia e acaba conseguindo um trabalho mais delicado. Com isso, ajuda o cliente a sair do fluxo pré-determinado pelo campo familiar. Assim, este pode decidir o que quer a si mesmo.

Liberdade das amarras

À medida que o trabalho do coaching for se desenvolvendo, o constelado passa a se sentir mais livre a viver. Compreendendo quem é, o que vive e aonde pode ir, se livra das amarras que construiu ao longo da vida. Dessa forma, passa a amar e se deixar ser amado, tão importante quanto. O medo que alimentava anteriormente se dissolverá.

Considerações finais sobre coaching pessoal

Podemos enxergar o coaching pessoal como um treinador e orientador para a própria vida. Por meio dele, entramos em uma reabilitação existencial, a fim de nos livrar de nossas dependências comportamentais. Essas “drogas” nos tornam prisioneiros de um estilo de vida destrutivo, pesado e sem qualquer perspectiva.

Mesmo que seja bastante eficaz por si só, o profissional se vale da Constelação para enxergar outros caminhos. A reabilitação comportamental deve ser dinamizada, a fim de proporcionar aos pacientes maiores escolhas na nova jornada. O futuro pertence a eles, bem como as próprias vidas.

Para entender melhor a proposta desse trabalho, se inscreva em nosso curso 100% EAD de Constelação familiar. Como visto acima, a psicoterapia pode clarear e desatar qualquer nó que estiver impedindo você de progredir na vida. O autoconhecimento te fará entender como funciona sua dinâmica interna, de modo a proporcionar apenas o que precisa.

Já que o curso é online, você pode estudar quando e onde achar mais cômodo. Dessa forma, pode aprender em seu próprio rimo, sem qualquer tipo de pressão ao tempo. O trabalho dos professores também é flexível, de modo a se adequarem em sua rotina. Por meio das ricas apostilas do curso, poderão trabalhar continuamente o seu potencial.

Assim que fizer sua conclusão, receberá em casa um certificado com o registro de sua formação no curso. Desse modo, obtenha o quanto antes a ferramenta que pode dar uma nova diretriz em sua vida como alguém que trabalha com coaching pessoal. Inscreva-se em nosso curso de Constelação familiar e descubra o significado de mudança.

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + onze =